5 dicas para a gestão de pessoas em projetos internacionais

Trabalhar com um projeto internacional exige ainda mais do gestor, que deve saber como lidar com os diferentes públicos, tanto internos quanto externos, que farão parte da empreitada. Nesse sentido, a gestão de pessoas em projetos internacionais passa a ser uma habilidade importante para quem lidera nessa área.

A distância geográfica entre os membros da equipe, as características diversas dos públicos de interesse, os idiomas distintos e muitos outros fatores tornam a gestão desafiadora.

Como nós adoramos um desafio e acreditamos que você também, listamos abaixo algumas ótimas dicas para ajudá-lo a gerir esse tipo de projeto com excelência e obter o sucesso esperado. Confira!

1. Escolha as ferramentas de comunicação

A tecnologia nos ajuda  e muito — a gerenciar equipes que estão espalhadas pelo mundo. Porém, com tantas opções de comunicação, a gestão do projeto pode acabar virando uma bagunça, causando perda de informações importantes.

Sendo assim, escolha os meios de comunicação que mais têm a ver com o perfil de seus colaboradores e que se mostram mais eficientes. Crie, também, algumas regras para o uso adequado de cada ferramenta e determine em qual momento cada uma será necessária.

Dentre as opções mais utilizadas, estão o Skype, o Hangouts, o WhatsApp, os softwares de gestão, o e-mail, o telefone, etc. O ideal é que sejam escolhidas, no máximo, três, para que as informações estejam sempre centralizadas.

2. Conheça as principais diferenças culturais

Conhecer bem as principais diferenças culturais entre as pessoas que fazem parte do seu time ajuda a evitar conflitos e problemas de comunicação entre seus membros.

É importante que você pesquise e pergunte aos seus colaboradores como é o comportamento profissional em seus países de origem e converse bastante, a fim de identificar possíveis mal entendidos.

Isso porque as diferenças culturais podem ser interpretadas por outros membros como grosseria, falta de empatia, descomprometimento, entre outras coisas. Portanto, o alinhamento é necessário para que, com o tempo, todos passem a “falar a mesma língua”.

3. Considere os fusos horários

O desempenho de um trabalho em conjunto, com pessoas que estão em outros países, também vai exigir alguns esforços com relação à adequação de horários, afinal, a diferença de fuso horário provavelmente será considerável.

Nesse momento, vale não ser injusto com nenhum dos lados e sempre buscar um horário intermediário para a realização de reuniões virtuais, por exemplo.

Como sabemos que nem sempre isso é possível, o líder deve equilibrar esse tipo de compromisso para que não apenas um dos colaboradores tenha que se sacrificar para trabalhar em momentos não convencionais. Use o bom senso e deixe o trabalho mais leve para todos os envolvidos.

4. Defina as responsabilidades

Durante a execução de projetos internacionais, é comum que existam membros espalhados em diversas localidades, dificultando o encontro presencial entre eles.

Caso cada um de seus colaboradores não tenha suas responsabilidades muito bem definidas, a probabilidade de algumas tarefas deixarem de ser feitas é muito grande.

Para evitar esse tipo de problema, é fundamental que o gestor defina e deixe por escrito, e acessível para todos, quais são as responsabilidades de cada colaborador. Aqui, não nos restringimos apenas ao cargo da pessoa, mas às suas tarefas e a tudo o que ela deve entregar em um determinado prazo.

5. Faça um planejamento prévio

Com todas essas questões consideradas, analisadas e definidas, chega a hora de planejar como será o dia a dia da sua equipe e estruturar todos os processos, para que as falhas sejam evitadas e sua equipe esteja sempre motivada.

O ideal é que o líder crie um calendário com o planejamento de cada funcionário e todos os itens que devem ser cumpridos por eles, com uma data limite de entrega. Assim, cada um consegue visualizar onde está e o quanto falta para atingir o cumprimento de suas metas, facilitando o andamento e a conclusão do projeto.

Sentiu falta de algum item que pode ser útil na gestão de pessoas em projetos internacionais? Comente aqui em nossa publicação e compartilhe sua experiência conosco!

0 replies

Leave a Reply

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *